21 outubro 2012 arquivado em: Blog
Estudar e estagiar ao mesmo tempo realmente é difícil. Mais pelo estágio que pela Universidade, afinal, eu já estou nela há quatro anos. E não, ainda não me formei. 
Recentemente, encontrei-me com algumas pessoas da minha turma (2009.1 – é o novo!), e isso me fez refletir sobre como a gente é capaz de mudar tanto em tão pouco tempo. Lembrei de quando o meu objetivo era só e somente me formar, de quando eu levava isso tudo tão a sério, que não conseguia pensar em mais nada além do âmbito acadêmico. Não foi de todo mal – afinal de contas, consegui realizar muitas atividades e obter muitas conquistas lá dentro… Mas vejo que, se eu tivesse me preocupado em conseguir um estágio antes de estar tão velha tão perto de me formar, as coisas teriam sido diferentes.
Tudo isso pra dizer o quão bom é desenhar sem obrigações, sem pressão, sem prazo, sem ninguém te cobrando, reprovando ou fazendo alterações nas tuas produções. Em pouco mais de um mês, às vezes me sinto sufocada pela demanda, pela rapidez dos processos dentro desse mercado obsolescente que é o da Moda. A gente tem que aprender a não depositar tanto amor nas criações, e também a ser capaz de desenvolver várias, várias, VÁRIAS peças por dia. 
E é no final de semana que eu posso me despir da Juliana designer de moda (que adulto!), tomar um bom banho e vestir os trajes aconchegantes da Juliana ilustradora. E neste sábado, após ter cumprido com todos os meus afazeres programados pra hoje, me reservei ao direito de dar amor a uma produção minha. De executar e contemplar um processo, a me deixar dispender horas sobre uma folha de papel, água e lápis de cor aquareláveis.
Esse foi o esboço do desenho. Já o tinha feito há muito tempo, pra participar de um concurso que acabei nem ganhando (obrigada a todos que votaram em mim!)… Hoje foi o dia dele.
Assim que terminei o desenho, já sabia que o pintaria com aquarela. Acho que pela delicadeza do desenho e do poema no qual ele foi inspirado… E assim comecei com minhas aguadas tímidas de azul turquesa..
Cor pós cor, o resultado foi-se definindo.
E assim ficou:
Levando em consideração minhas últimas experiências com aquarela, posso dizer que fiquei positivamente surpreendida com o resultado final! Acho que esse negócio de você amadurecer e se adultizar acaba refletindo nos seus desenhos, de alguma maneira… Nesse caso, creio que calhou na segurança que tive ao executar essas aguadas!
É isso, pessoal!
Muito obrigada pelas coisas lindas que vocês escrevem e falam sobre mim lá pelo Facebook! Nós já somos quase 1.000! ♥
Beijos e até a próxima!
0
amaram

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Um comentário

Receba atualizações sobre cursos, eventos, atualizações no blog, novos produtos e promoçoes na lojinha direto na sua caixa de entrada! ps: sem spam, só amor <3
Receba atualizações sobre cursos, eventos, atualizações no blog, novos produtos e promoçoes na lojinha direto na sua caixa de entrada! ps: sem spam, só amor <3
Todas as imagens e conteúdos presentes neste site são de autoria de Juliana Rabelo, exceto quando sinalizadas.
Copyright © 2013 - 2019 Juliana Rabelo. Todos os direitos reservados