18 novembro 2014 arquivado em: Blog Equipamentos
Se você se interessa por pintura, com certeza já deve ter ouvido falar nos pincéis de cerdas naturais. No post da tag equipamentos de hoje, eu conto pra vocês quais as principais vantagens e desvantagens desse material, além de indicar os meus favoritos. O post é voltado para o uso dos pincéis na pintura com aquarela.

Os pincéis de cerdas naturais, como o nome diz, é geralmente produzido com pelo de marta ou esquilo; já o de cerdas sintéticas, é produzido através de fibras… sintéticas. Artificiais. Esse conhecimento básico é um ponto de partida pra gente entender que os pincéis de cerdas naturais são extremamente mais macios que os de cerdas sintéticas, mas mesmo assim vale lembrar que mesmo os de cerdas sintéticas devem ser macios, se forem utilizados com aquarela.

Aqui, uma demonstração prática do comportamento dos pincéis em contato com a água – é tudo muito leve, e os pelinhos se espalham como um cabelo, mesmo. Totalmente diferente dos pincéis de cerdas sintéticas, que se mantêm quase imutáveis no contato com a água. Na foto abaixo, é super fácil perceber essa diferença e identificar quem é natural e quem é sintético.
Uma consequência dessa maciez toda pode ser observada no traçado que o pincel proporciona.

O pincel de cerdas naturais é extremamente leve, e garante movimentos mais fluidos, incertos, suaves e menos definidos. O pincel de cerdas sintéticas, por sua vez, proporciona exatamente o oposto – com cerdas mais duras, o movimento é mais preciso, há mais definição e controle sobre o material.
Com o pincel de cerdas naturais, é possível obter movimentos inesperados, com imensas variações de pressão – o pincel expande e contrai facilmente conforme a pressão que aplicamos nele. Com o pincel de cerdas sintéticas, a experiência é parecida com a de manusear um lápis – o movimento é bem preciso e controlado.
Eu, particularmente, só comecei a usar o pincel de cerdas naturais há pouquinho tempo; sinceramente, não senti necessidade de algo melhor que os pincéis sintéticos, pois eles tavam conta do recado direitinho. Mas a partir do momento que você tem a experiência de manusear um pincel de cerdas naturais, (pausa para reflexão) … É incrivelmente mais gostoso de usar. É muito mais leve, parece que você tá segurando uma peninha. ♥
Bom, esses são os três pincéis de cerdas naturais que eu atualmente uso em meus trabalhos: Staedtler nº 4, Arches nº5 (esse veio em um kit de presente, junto com um bloco de papel maravilhoso) e Caran D’Ache nº5 (veio em um estojo de guache que comprei em Portugal). Com o tempo, pretendo aumentar a coleção com números menores :}

Acho que a maior desvantagem desses pincéis é o bendito preço. O pincel de cerdas naturais mais barato que conheço custa em torno de 40 reais. Sim, esse é o preço de um pincel. Mas se você parar pra pensar na qualidade do material e na facilidade que você vai ter pra aquarelar depois que ele entrar na sua vida… Kind of worth it.

Outra desvantagem é que procurei bastante nos sites das três marcas que eu falo aqui no post, mas não achei nenhum indicativo de cruelty free :~~~~
Se você ainda é iniciante na técnica de aquarela, ou se ainda se sente inseguro e não habituado com os materiais, eu recomendo que você comece com os pincéis de cerdas sintéticas: por serem mais baratos e acessíveis, eles não vão te intimidar tanto; além do mais, como eu expliquei no post, eles te dão muito mais controle e precisão, então são ótimos nessa fase inicial. Na verdade, são ótimos sempre que você precisar trabalhar com algo mais nessa linha de controle.
Mas se você já tem alguma experiência com aquarela e tá com um dinheiro sobrando, vale muito a pena investir em um pincel de cerdas naturais. As coisas fluem com bem mais facilidade, o traço fica mais leve e o rastro é bem mais delicado.
E aí, cês já experimentaram esse tipo de pincel? Qual dos dois preferem? Ficaram empolgados pra testar essas belezinhas? Me contem nos comentários, que eu quero saber.
Espero que o post tenha sido útil e esclarecedor pra vocês :~)
Beijos e até a próxima!

tags:
0
amaram
    Meus pincéis favoritos (aquarela e guache)
    Pincéis Santa Clara

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 Comentários

Receba atualizações sobre cursos, eventos, atualizações no blog, novos produtos e promoçoes na lojinha direto na sua caixa de entrada! ps: sem spam, só amor <3
Receba atualizações sobre cursos, eventos, atualizações no blog, novos produtos e promoçoes na lojinha direto na sua caixa de entrada! ps: sem spam, só amor <3
Todas as imagens e conteúdos presentes neste site são de autoria de Juliana Rabelo, exceto quando sinalizadas.
Copyright © 2013 - 2019 Juliana Rabelo. Todos os direitos reservados