10 julho 2014 arquivado em: aquarela Blog materiais
EDIT 28/5/18: Se você caiu aqui de paraquedas, oi! 🙂 Esse post é super antigo e tá com vários links quebrados (desculpe por isso). Além disso, a linha XL da Canson já saiu do meu top 5 🙁 Mas o que eu vim mesmo dizer é que tem esse post sobre os papéis da Hahnemüehle, que amo de paixão + videozinho testando e falando sobre cada um ♥
* * *
Uma pergunta que vocês sempre me fazem é sobre qual o melhor papel para aquarela. Hoje, eu decidi elencar e compartilhar com vocês meu top 5 de papéis. Confesso que foi bastante difícil colocar meus preferidos em ordem mas, para facilitar o entendimento, classifiquei por critérios como qualidade e relação custo x benefício. Lembro que todos os papéis mostrados aqui são sensacionais, ok? Uso todos bastante, e recomendo todos a todos vocês, amantes, iniciantes, entusiastas ou profissionais da aquarela.
Antes de começar a mostrar os papéis, aqui vão algumas dicas básicas na hora de você escolher o papel para aquarela: primeiro de tudo, verifique se existe a palavra aquarela (ou derivados em outros idiomas) no bloco. Pode parecer bobo, mas muita gente não consegue aquarelar porque usa papel inapropriado. Os papéis para desenho e papéis offset, mesmo de gramatura mais alta, não são indicados para aquarela.
Depois, atente para a gramatura: eu sempre uso papéis com gramatura 300g/m², pois são super resistentes. Há uma exceção em um dos papéis que uso, mas falo dele/dela mais tarde.
Finalmente, a superfície: papéis de superfície com porcentagens de algodão absorvem a tinta mais rápido, têm a capacidade de absorver mais que os outros e são mais caros. Papéis com superfície de celulose “sustentam” a mistura de água + tinta por mais tempo e são ideais para iniciantes. Há também os papéis fine grain e rough grain, aspectos relacionados à textura: papel fine grain possui textura mais delicada, enquanto o papel rough grain possui textura mais áspera.
Tendo tudo esclarecido, agora é só se acomodar pra ler o restante do post, com meu elenco de papéis 🙂 Vamos lá!
#1 Arches

 

De todos os papéis que já testei na vida, sem sombra de dúvidas, o Arches é meu favorito. É caro? É. É muito caro? É. Mas a qualidade desse papel é impagável, e o prazer de aquarelar sobre ele é indescritível.

Uma foto com macro exagerado para mostrar a textura do papel. É uma textura mais áspera (mas ainda assim, fine grain), bonita.

 

Esse papel é colado dos quatro lados (4 sides glued), o que é ótimo para a estabilidade do papel e mesmo para a preservação. Acho que o que faz o Arches ser o primeiro da minha lista é o cuidado que eles têm com o consumidor: adicionar um espaço livre de cola, pra gente poder remover o papel com mais facilidade, é muita gentileza. ♥
Exemplos de ilustrações que fiz utilizando esse papel: 1 2 3
#2 Fabriano
O Fabriano entra disparadamente no segundo lugar da lista. Ele está apenas um pézinho atrás do Arches, mas os dois são sensacionais. São duas marcas incríveis, de qualidade altíssima, que vocês podem comprar sem medo.
Uma coisa interessante nesse bloco é que ele é de 200g/m², 100 números a menos do que eu recomendei lá em cima. Mas eu asseguro que, mesmo com esse número, o papel é resiliente: enruga um pouco durante o processo, mas depois volta praticamente à sua forma original.

Uma foto pra mostrar a textura: ela segue mais ou menos o estilo da textura do Arches.

 

O Fabriano também é colado dos quatro lados, sem espaço livre pra retirar a folha: tem que usar uma faquinha ou espátula para a remoção.
Exemplo de ilustração utilizando essa folha: 1 2
#3 Canson Moulin du Roy

 

 

O Moulin du Roy foi uma descoberta recente, mas que me roubou o coração. Essa linha é uma versão mais acessível ($$) dos grandes papéis 100% algodão, mantendo a qualidade incrível e textura maravilhosa.

 

A textura dele é super suave e delicada, e a cola desse bloco está apenas no extremo superior vertical. O lado ruim é que um bloco vem apenas com 12 folhas, o que dói bastante no coração. Mas é uma opção bacana pra quem já tem um pouco mais de segurança na técnica e quer investir em um papel de qualidade superior e que não custa o preço do lado direito do seu cérebro.
 
Exemplo de ilustração nessa folha: 1 2 3
#4 Canson Montval Aquarelle

 

Quando falo de custo x benefício, o Canson Montval é o primeiro nome de que me lembro. Isso porque, mesmo que o papel seja 100% celulose, a qualidade é excelente, e o preço é uma delícia! Eu usei o Montval por muito tempo e ainda continuo usando, porque é um papel bonito, com textura bacana e com qualidade pra aguentar quantas aguadas forem necessárias. E a pessoa que vos escreve usa muita água nas aquarelas.

 

 

A textura dele é bem delicada, o papel é bem grossinho e o bloco segue aquela linha de colagem apenas de um lado – no caso do Montval, a colagem é no lateral esquerdo. Esse é o bloco de papel que eu sempre recomendo pros meus alunos, inclusive para os iniciantes, porque tem um tratamento melhorado por um preço que vale muito à pena.Ilustrações nessa folha: são muitas! Vão as minhas preferidas: 1 2 3

#5 Canson XL Aquarelle

 

Por último, mas de maneira alguma menos importante, o Canson XL Aquarelle. A linha XL é uma linha mais econômica e em forma de caderninho de vários tipos de papéis da Canson (kraft, preto, de croquis e por aí vai). Recebi esse bloco da Koralle no início de junho e fiquei apaixonada pela qualidade dele.

 

 

Apesar de serem encadernadas, cada folha é microperfurada, facilitando nosso trabalho de destacar depois que a pintura for finalizada. Ou antes de começar, sei lá. O mais legal desse bloco, pra mim, é a maneira como ele comunica tranquilidade no sentido de “pode errar, aqui não tem problema, não!”. Viajei na maionese? Mas foi o que eu senti ao olhar pro bloco, sem nem ver como são as folhas. Isso é incrível, principalmente pra galera que tem medo de errar ou estragar tudo.

 

Meu Alex Mahone William Fichtner mostrando a textura da folha pra vocês <3 Mais uma textura delicadinha!

Se fosse pra escolher entre esse bloco e o Montval, eu não saberia decidir; os dois têm um preço ótimo por uma qualidade muito boa! Ah, um lado muito bom do XL é que o bloco vem com trinta folhas. Trin-ta-fo-lhas. Felicidade em forma de bloquinho! ♥

Ilustrações utilizando essa folha: 1 2 3

 

Volto a repetir o que falei no começo do post: todos os papéis que mostrei aqui são sensacionais e, independentemente do quanto você possa investir, todas as opções desse post vão valer muito à pena. E não importa qual seu grau de instrução sobre aquarela, é muito importante que você utilize sempre bons materiais. Bons materiais estimulam a produção e são suporte para resultados surpreendentes.

O que não quer dizer que material bom faz milagre, certo? É imprescindível que você dedique algumas horinhas do seu precioso tempo para a aquarela que, assim como qualquer outra atividade da vida, requer treino para oferecer bons resultados.

Todos os papéis elencados suportam aguadas em frente e verso, ou seja: errou? Respira fundo, espera secar, vira a folha e começa de novo! E todos podem ser encontrados para compra aqui, no Brasil: dá uma jogada no pai Google e compara os preços!

*

Espero que o post tenha sido bacana e que ajude vocês na hora de fazer a compra! 🙂
Se foi útil pra você, não esquece de deixar um comentário, mostrar pro coleguinha e compartilhar nas redes! Você ajuda a compartilhar conhecimento e, de quebra, divulga um trabalho que faço com amor <3

Beijinhos e até o próximo post!

0
amaram

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 Comentários

Receba atualizações sobre cursos, eventos, atualizações no blog, novos produtos e promoçoes na lojinha direto na sua caixa de entrada! ps: sem spam, só amor <3
Receba atualizações sobre cursos, eventos, atualizações no blog, novos produtos e promoçoes na lojinha direto na sua caixa de entrada! ps: sem spam, só amor <3
Todas as imagens e conteúdos presentes neste site são de autoria de Juliana Rabelo, exceto quando sinalizadas.
Copyright © 2013 - 2019 Juliana Rabelo. Todos os direitos reservados