19 março 2015 arquivado em: Blog

Há algum tempo, perguntei lá no instagram (@julianarabelo_art) se vocês tinham alguma dúvida ou curiosidade sobre meu processo criativo, e adorei saber das respostas de vocês 😀 No post de hoje, vou tirar algumas das dúvidas que vocês contaram, e tentar descrever direitinho como funciona o meu processo criativo
O processo criativo, a grosso modo, pode ser explicado como um conjunto de “etapas” que executamos até finalizarmos algo criativo, que pode ser uma ilustração (no meu caso), uma escrita, e mesmo a nova organização de um espaço da casa. É muito difícil dissecar em palavras algo que acontece de maneira tão rápida e espontânea, mas posso resumir todo esse turbilhão de ideias e pensamentos em alguns pontos cruciais.

1. A pesquisa
Pra mim, essa é a fase mais importante do processo, pois é daqui que surgem as referências, ideias e inspirações para as ilustrações. No post que dei dicas para encarar a folha em branco, sugeri alumas técnicas e métodos de pesquisa: o Pinterest e o We Heart It são meus bancos de imagens favoritos, e sempre corro pra lá quando estou totalmente sem ideias
O processo da pesquisa (assim como o processo criativo, em geral) é muito pessoal, e funciona de maneira diferente de acordo com suas vivências, crenças, visões de mundo e com o meio em que você vive. O que funciona pra mim é ficar dando scrolling eterno até encontrar algo que chame minha atenção e, quando encontro esse “algo”, analiso e procuro entender o por quê que aquilo me atraiu. A partir daí, as ramificações são infinitas 🙂

2. Passando a limpo
Depois que encontro a referência ideal (ou as referências ideais), corro pra passar a limpo todas as ideias; nesse momento, o sketchbook é meu fiel aliado – ele recebe toda a informação visual elementar, toda a maré de ideias que preciso registrar, primeiramente, para depois organizá-las até encontrar um formato que me agrade. 
Quando finalmente tomo uma decisão, é hora de elaborar um rascunho inicial, com todas as informações que vou precisar consultar quando for fazer o desenho definitivo, que vai receber a aquarela (ou outro material que der na telha). No rascunho, faço estudos de composições, luz e sombra, cores e de demais “componentes técnicos” do desenho.
E enfim, quando o rascunho fica exatamente como quero, passo esse desenho para o papel apropriado de acordo com a técnica que vou usar (geralmente, aquarela, e fiz um post mostrando meus papéis favoritos pra essa técnica). Comigo, sempre acontece de ter algumas diferenças entre o rascunho e o desenho final, assim como também acontece de eu mudar totalmente de ideia quando termino o desenho final!
3. Finalização
Quando o desenho fica pronto, chega a tão temida hora de colorir. Apesar de desenhar desde sempre, ainda hoje tenho aquele medo de colorir alguns desenhos; para amenizar essa angústia/indecisão, gosto de fazer estudos de cores ainda no rascunho, para testar diferentes combinações e paleta de cores.
Quando vou escolher as cores, tento pensar na mensagem que aquele desenho transmite por si só, e na mensagem que eu quero transmitir: calma ou desespero? Felicidade ou melancolia? Cada sentimento “pede” uma coloração diferente. Quando fico “travada” na escolha das cores, recorro ao círculo cromático e analiso possíveis esquemas de cores para harmonizar com a peça.
Com a paleta definida, é só aproveitar o momento e colorir sem medo 🙂

Quando finalizo a pintura, ainda há tempo de analisar se a peça ainda precisa de contornos ou adereços a mais. Depois, passo tudo pro computador (ensinei como nesse post) e mostro aqui pra vocês 🙂
Essa é a maneira como funciona meu processo criativo no mais das vezes! Nem sempre é tão bonitinho como está no post: algumas vezes pulo etapas ou deixo de fazer alguns dos itens, mas é mais ou menos isso! Se você leu até aqui, pode também gostar desse post em que a Lidy fala sobre coisas que atrapalham o processo criativo
Espero ter ajudado/inspirado vocês de alguma forma! 🙂
Se você tem alguma dúvida sobre esse assunto, me conta nos comentários! Se tem alguma dica para turbinar esse processo, compartilha aqui também! Sou todo ouvidos 🙂
Beijinhos,
0
amaram

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 Comentários

Receba atualizações sobre cursos, eventos, atualizações no blog, novos produtos e promoçoes na lojinha direto na sua caixa de entrada! ps: sem spam, só amor <3
Receba atualizações sobre cursos, eventos, atualizações no blog, novos produtos e promoçoes na lojinha direto na sua caixa de entrada! ps: sem spam, só amor <3
Todas as imagens e conteúdos presentes neste site são de autoria de Juliana Rabelo, exceto quando sinalizadas.
Copyright © 2013 - 2019 Juliana Rabelo. Todos os direitos reservados